Reflexões

"Instruí-vos, porque precisamos da vossa inteligência. Agitai-vos, porque precisamos do vosso entusiasmo.

Organizai-vos, porque carecemos de toda a vossa força".
(Palavra de ordem da revista L'Ordine Nuovo, que teve Gramsci entre seus fundadores)

______________________________________________________________

julho 22, 2013

Trabalhadores Sem Terra realizarão ato de protesto contra leilão da Fazenda Gasparetto exigindo que a área seja destinada à Reforma Agrária no Paraná


SEGUNDA-FEIRA, 22 DE JULHO DE 2013
Cerca de 400 integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) realizarão, a partir das 10h00 da manhã dessa segunda-feira (22/07), ato de protesto na frente da Fazenda Gasparetto, localizada a três quilômetros de Lindoeste, no oeste do Paraná. O objetivo é exigir o cancelamento do leilão público da área, previsto para acontecer hoje em Goiânia (GO), e reivindicar a destinação da propriedade para à Reforma Agrária.

A fazenda com área de 405,95 hectares (167,75 alqueires) se transformada em assentamento vai gerar trabalho e renda para famílias acampadas que vivem atualmente em baixo de barracos, movimentará a economia da região, aumentará a produção de alimentos saudáveis, baratos, respeitando o meio ambiente. Sendo leiloada, apenas uma pessoa se beneficiará aumentando ainda mais a concentração de terra no estado e no país. 

No Paraná aproximadamente 6 mil famílias ainda vivem em acampamentos, sendo que só na região oeste são cerca de 500 famílias.

Histórico
Em 2007, 120 pessoas que integravam o Movimento de Libertação dos Sem-Terra (MSTL) ocuparam a área, e em menos de 24 horas os trabalhadores foram despejados por seguranças da empresa NF Segurança, contratada pelo presidente da Sociedade Rural do Oeste do Paraná (SRO), Alessandro Meneghel. Meses depois da desocupação ilegal, a mesma empresa contratada por Meneghel realizou a desocupação da Syngenta, assassinado o integrante do MST, Valmir Motta de Oliveira (Keno). 

- 
Assessoria de Imprensa MST/ PR


Nenhum comentário:

Ilha das flores